DestaquesMissões

Minha experiência missionária XVI

Por Mairo de Melo Menezes - Deus é Fiel

Das minhas andanças por várias igrejas e congregações mundo afora neste andar evangelístico e missionário, tenho observado fatos que me chamam atenção.

Quando viajo para casa dos meus sogros para que minha esposa possa ter um tempo junto com sua família (moramos 1620 km distantes) a mim me sobra tempo para descansar, pensar e refletir sobre a vida, nestes momentos me tem inspirado o SENHOR a levar ao seu povo reflexões sobre o fazer evangélico, ou seja, como se tem prestado culto ao seu Santo e Bendito NOME desta feita a reflexão veio em forma de verso quais compartilho com vocês queridos leitores, versos inspirados na verdade da convivência e experiência de vida:

Coloque a cara no pó
Vi gente empoderada fazendo a soberba em riste e foi coisa muito triste visualizar no altar alguns ministros de louvor parecendo ser grande coisa tocando seu instrumento, por vaidade ou por dinheiro com volume estridente abafando até a letra que o coral com muito esforço, e sem nenhum microfone tentava honrar o nome de cristo nosso senhor.

Foi triste visualizar o pregador eloqüente cheio do Espírito Santo, pregar uma mensagem linda, ante uma parte da Igreja, que, com um coração de pedra não conseguia adorar, tampouco se alegrar com a mensagem divina.

Quero chamar atenção pedir pra congregação que se arrependa, dá tempo, e num remate a contento coloque a cara no pó, e juntamente conosco peça perdão ao Senhor.

Vi gente desafinada que sua alma derramava aos pés do salvador, e enquanto o hino cantava, era perfeito o louvor. Sei que Deus anda buscando aqueles que o adorem é uma barbaridade o que se anda fazendo; priorizando a técnica e o cronômetro rigoroso do toque mais que charmoso do estilo e da aparência.
Quero chamar atenção pedir pra congregação que se arrependa, dá tempo, e num remate a contento coloque a cara no pó, e juntamente conosco peça perdão ao Senhor.

Mairo de Melo Menezes.
Paulínia/SP 06/01/2020.

Comentários

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios